#BeInnovative: estar atento às transformações por que passa a indústria é fundamental para o exporta

Todos sabem que para exportar não basta ter vontade, uma boa ideia e um bom produto. A cartilha já é bem conhecida. Para que o empresário consiga um bom desempenho no comércio exterior, é preciso estar atento à questão da oferta, demanda e a precificação de seus produtos no mercado internacional. Também é necessário ficar de olho nas políticas cambiais, nas isenções tributárias e em estudos de mercado qualificados. E existe ainda uma questão que a cada ano que passa ganha novo peso: a tecnologia e a transformação da indústria.

Os dois termos andam juntos e são fundamentais para o exportador que busca ganho de produtividade e competitividade no mercado externo. No mundo dos negócios, a exigência de inovação passou a ser quase que automática. E inovar também é promover um Brasil confiável, estratégico e criativo no mundo dos negócios – o mote da campanha Be Brasil.

Na opinião do sócio-diretor da BRZ Investimentos, Ricardo Propheta, a dinâmica do mercado internacional exige que o empresário exportador se aproprie o máximo possível das tecnologias de ponta e se ajuste às transformações a que a indústria está sendo obrigada a passar por conta delas.

No vídeo abaixo, feito para o canal da Apex-Brasil no Youtube, Propheta detalha essa questão para o leitor do Blog da Apex-Brasil. Confira!


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo