#BeInnovative: a tecnologia e a inovação levaram a Kidy Calçados para o topo do mercado calçadista

Quando a Kidy Calçados abriu suas portas no início dos anos 90, parecia ser apenas mais uma empresa calçadistas de Birgui, simpática cidade do interior de São Paulo. Produzia apenas 20 pares de calçados por dia, uma banalidade frente aos gigantes do mercado. Hoje, a marca tem três unidades fabris, mais de dois mil funcionários, capacidade produtiva de mais de 20 mil pares por dia e clientes em mais de 38 países. É muita coisa para uma companhia com apenas 27 anos.

Mas a escalada meteórica da Kids tem nome: inovação, um dos motes principais da campanha Be Brasil, que promove o Brasil como marca confiável, sustentável, inovadora e criativa no mundo dos negócios. Foi justamente pensando diferente, traçando caminhos alternativos e investindo em tecnologia que a empresa se firmou como um dos competidores do mercado calçadista brasileiro.

O primeiro grande caso de inovação da companhia foi até simples. Tão simples que parece óbvia: colorir os calçados infantis. A receptividade dos lojistas e clientes ao que hoje parece ser regra do mercado, foi imediata. Daquela ideia em diante, a Kidy entendeu que pensar fora da caixinha seria regra na criação de seus produtos.

Isso é possível ver em criações como os tênis Respi-tec, que possibilitam a circulação do ar nos pés, a tecnologia Wash, com tênis que podem ser lavados na máquina e até o desenvolvimento de um calçado que faz com que as crianças da primeira infância caiam até 40% menos.

A empresa investe cerca de R$ 2 milhões por ano só para o desenvolvimento de produtos que não se limitam ao design e a funcionalidade. A Kids foi longe e, mais recentemente, agregou recursos digitais como o bluetooth e a realidade aumentada, ambas usadas para interação das crianças com seus tênis por meio de aplicativos de dispositivos móveis.

Entenda como tudo isso é feito assistindo ao vídeo abaixo, produzido especialmente para a campanha Be Brasil. Confira!

Leia outras histórias de sucesso da Campanha Be Brasil em www.bebrasil.com.br/pt


0 visualização0 comentário