Aconteceu em março a formatura das primeiras turmas SENAR/RO do curso Técnico em Agronegócio da Rede


O título de Técnico em Agronegócio passa a fazer parte do Curriculum de 13 profissionais no Estado de Rondônia. Após dois anos eles concluíram o curso Técnico em Agronegócio da rede e-Tec oferecido gratuitamente pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR/RO), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Rondônia (FAPERON) em parceria com os Sindicatos dos Produtores Rurais. Sendo 7 (sete) formandos no polo de Apoio Presencial de Cerejeiras, e 6 (seis) formandos no polo de Apoio Presencial de Ouro Preto. As solenidades de formatura das duas primeiras turmas ocorreram nos últimos dias 01 e 02 de março de 2018, em seus respectivos municípios sede.

O presidente do Sistema FAPERON/SENAR-RO, Hélio Dias de Souza, esclarece que o curso auxilia os profissionais no reconhecimento da realidade do meio rural identificando as principais potencialidades, limitações e desafios nas diferentes cadeias produtivas. “Os técnicos em agronegócio são capazes de analisar problemas em processos de gestão e de produção agropecuária reconhecendo sistemas de melhoria da qualidade dos produtos e serviços desenvolvidos aplicando técnicas empreendedoras com capacidade crítica, criativa e inovadora”, complementa.

“É motivo de muita satisfação acompanhar o desenvolvimento desses profissionais que, a partir de agora, levarão para o meio rural o que de mais atual existe em gestão e tecnologia. A formação de Técnico em Agronegócio é um avanço para a agropecuária Rondoniense. Precisamos nos reinventar a cada dia e sem dúvidas a qualificação que chega ao campo é de alto nível. Parabenizamos os novos profissionais por essa conquista”, destaca o superintendente do SENAR/RO Emerson Lira da Cruz.

Para a Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Ouro Preto do Oeste, Srª Kassia Jane Freire de Almeida “É motivo de imenso orgulho a formatura da primeira turma do polo. É gratificante ver que a união de esforços do Sindicato Rural, o Sistema FAPERON/SENAR-RO tem surtido efeitos positivos. O nível de formação desses técnicos é excelente e, sem dúvidas, quem ganha é o agronegócio Rondoniense”.

Já o Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Cerejeiras Sr. Jair Gollo, destacou que “É com extrema satisfação que hoje temos esses jovens recebendo o título de Técnicos em Agronegócio, após esses dois anos de esforço e dedicação estamos diante de grandes profissionais que serão diferencial no Agronegócio de Rondônia”

A coordenadora estadual do programa, pedagoga Catilama, finalizou parabenizando os formandos, reiterando o desafio desses novos profissionais na condução de ações voltadas para o Agronegócio no Estado, considerando o crescimento continuo desse setor.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Senar/RO

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo