Conselho ADM

 
2-0.jpg
Relat%25C3%25B3rio1228_edited_edited.jpg

O Conselho Administrativo, órgão colegiado encarregado do processo de decisão da Cooperativa em relação ao seu direcionamento estratégico, é o órgão superior na hierarquia administrativa, sendo sua competência privada e exclusiva responsabilidade pela decisão sobre todo e qualquer assunto de ordem econômica ou social, de interesse da cooperativa e de seus cooperados nos termos da Lei e de recomendação da Assembleia Geral.
O Conselho Administrativo recebe poderes dos cooperados,e presta contas a eles nas assembleias gerais. É de responsabilidade deste Conselho ser o guardião do objeto social e do sistema de governança. É ele que decide os rumos do negócio, conforme o melhor interesse da cooperativa.
O Conselho é comporto por três membros, sendo todos cooperados no gozo de seus direitos sociais, eleitos pela assembleia geral para mandado de quatro anos, e deverão escolher entre si, no ato da posse, aqueles que exercerão as funções de Presidente, Vice-Presidente e Tesoureiro.
Algumas das atribuições do Conselho de Administração são zelar pelo fiel cumprimento do estatuto, cumprir e fazer cumprir as atribuições do regimento interno e cumprir e fazer cumprir as deliberações das assembleias gerais e do próprio conselho de administração.
É preciso deixar claro que a atuação deste órgão jamais pode estar comprometida pelos interesses de um único cooperado ou grupo específico, de modo que jamais pode haver benefícios em prol de somente uma das partes interessadas.
A principal missão do Conselho Administrativo é proteger e valorizar a Cooperativa, otimizar os investimentos e buscar o equilíbrio entre os interesses das partes (cooperados, stakeholders e parceiros), de modo que cada uma receba os benefícios apropriados.